18 de julho de 2015
banner

10 erros na hora de limpar

1 – Ignorar o perigo da palha de aço É essencial lembrar que a palha de aço enferruja. A limpeza com este tipo de material precisa ser muito cautelosa, para não haver dano. “Se deixarmos fiapos da palha no mármore branco, não haverá retorno e a superfície será danificada. A questão é a mesma na limpeza de esquadrias, pois a ferrugem destruirá o metal”, afirma o gerente. 2 – Não seguir a ordem certa na faxina Outro engano bem comum é iniciar a limpeza pelo piso e seguir para o resto do ambiente. O ideal é limpar de cima para baixo – ou seja, começar por ventiladores e luminárias e depois alcançar paredes e móveis, terminando no piso. Importante: lembre-se de limpar do fundo em direção à porta. 3 – Usar produtos “multiuso” de maneira indevida A fama dos tão conhecidos “multiuso” deve ser entendida com cuidado na faxina. Tais produtos devem ser usados apenas em superfícies laváveis, como cerâmicas, paredes e superfícies plásticas. Nada de aplicá-los em superfícies como madeiras, metais e tacos. 4 – Usar sabão em pó nos pisos O produto pode até parecer inofensivo, mas não é. Ele conta com fórmulas extremamente alcalinas, de acidez compatível à da soda cáustica, e causa corrosão no piso se usado com frequência. A superfície parecerá limpa, mas serão criados pequenos buracos que passarão a acumular sujeira. “Não raro vemos pisos de mármore e granito sem aquele brilho de quando novos por isso”, diz Viviane Abras, especialista em limpeza da Personal Service. 5 – Limpar ambientes diferentes com o mesmo pano Limpar a casa pode ser mais complicado do que se imagina. Entenda o que evitar O problema de fazer a limpeza da casa usando o mesmo pano é a distribuição das bactérias. Espaços de gordura intensa – a cozinha, por exemplo – têm micro-organismos típicos que não devem estar presentes nos demais ambientes. 6 – Uso indiscriminado de desinfetantes Investir no produto durante a limpeza do chão de qualquer ambiente da casa é um erro, ressalta Viviane. “Desinfetantes precisam ter uso restrito. O conceito de desinfecção é necessário em locais onde tocamos com as mãos. O chão deve ser limpo com detergente neutro e não necessariamente desinfetado”, afirma. 7 – Pouco cuidado no uso de álcool e cloro O álcool não deve ser usado em superfícies emborrachadas, pois enrijece os materiais, e a aplicação precisa acontecer, no mínimo, três vezes sobre o mesmo local. Já o cloro é extremamente corrosivo e precisa ser evitado em superfícies metálicas (como aço inox e ferro). 8 – Aguar plantas após lavar o chão Pode até parecer algo sem importância, mas a água vinda dos vasos acaba manchando o piso e o estrago chega inclusive a causar ferrugem nos revestimentos. 9 – Misturar roupas claras e coloridas na lavagem É muito importante separar as roupas de acordo com suas tonalidades – escuras e claras (brancas e bege), de modo a evitar possíveis manchas irreversíveis. A eficiência da limpeza pode ser melhorada deixando as […]